Mais Mobilização

Conteúdo personalizado é a estratégia ideal para a comunicação sindical

6 de setembro de 2020
3 min de leitura
Junte-se a mais de 7.000 lideranças

Entre para nossa lista e receba conteúdos sindicais exclusivos e com prioridade

Você já ouviu falar em conteúdo personalizado?

Tem ideia de como aproveitar os benefícios dele para a comunicação sindical?

Antes de mais nada, é preciso dizer que a criação de conteúdos personalizados não é algo tão atual. A estratégia de direcionar mensagens específicas sempre existiu.

Nesse sentido, pense nos catálogos de revistas impressas. Por exemplo, há publicações sobre os mais diversos tipos de assunto: negócios, aviação, política, cultura etc.

O ponto é que, quando nos referimos ao conteúdo personalizado na era digital, estamos falando de textos direcionados por segmento. Portanto, se você quiser revolucionar a sua comunicação, um dos caminhos está aqui. 

Por isso, continue conosco nesse artigo e anote essas dicas!

Conteúdo personalizado marketing sindical abridor
Conteúdo personalizado é a estratégia de marketing sindical

Localidade é uma estratégia para conteúdos personalizados

Antes de mais nada, pense na realidade de um sindicato que tem uma base que se espalha por diversos municípios. Ou ainda aqueles que estão em locais de trabalho e instituições muito distintos entre si.

Como o conteúdo personalizado pode ser utilizado para aproximá-los da sua entidade, evitando que eles recebam conteúdo que não lhes interessa?

Em primeiro lugar, é preciso separar e organizar todos os contatos que o sindicato possui. Sejam eles e-mails, lista de transmissão no WhatsApp, grupos do Facebook. Todas as ferramentas são válidas para garantir que o trabalhador leia o conteúdo.

Aqui na Abridor de Latas, atendemos sindicatos que têm categorias em cidades diferentes ou locais de trabalho distintos. Desse modo, a produção de conteúdos personalizados é um das nossas principais estratégias, e deve ser a sua também.

Para que possamos fazer um bom trabalho e que nossos textos sejam lidos, antes de mais nada fazemos um mapa de interesse.

Em resumo, primeiro identificamos gostos, problemas e angústias para cada grupo de trabalhadores. Aí, posteriormente, planejamos o que será escrito.

Como resultado, temos pessoas mais interessadas, participativas e engajadas nos conteúdos do sindicato.

Conteúdo personalizado por afinidade ideológica

Nem todos os trabalhadores da sua categoria pensam da mesma maneira, isso é fato. Mas você já parou para pensar por que muitos trabalhadores têm defendido até propostas que retiram direitos?

A resposta é simples: ele está sendo convencido a isso, através de conteúdos personalizados.

Os contéudos de convencimento sempre estão ligados a uma preferência. Posso aqui falar dos evangélicos, pois como pertenço a esse grupo, vejo milhares de meus irmãos serem levados ao inferno com um discurso de ódio sem igual.

Mas o que os motiva? O que está por trás disso?

Inegavelmente, a resposta é: eles recebem conteúdos personalizados, direcionados para a mudança de pensamento de um segmento baseado em gostos, preferências e angústias.

É provável que muitos de vocês já tinham feito essa análise. Entretanto, há uma pergunta que precisa ser respondida: por que os sindicatos não estão usando essa mesma estratégia para o convencimento de sua base?

Em resumo, a estratégia é simples: com base no comportamento das pessoas na internet, é possível mapear suas preferências e suas reações e, com base nisso, planejar o conteúdo mais adequado para elas.

Dá trabalho? Com certeza.

Por mais que essa tarefa seja difícil, precisa ser feita para que possamos ter mudanças reais em nossa sociedade.

É preciso dominar as ferramentas de comunicação para que possamos vencer essa batalha.

Dessa maneira, o seu sindicato pode ter uma abordagem específica para segmentos das mais diversas visões políticas. Para aqueles que apoiam o sindicato, você pode “falar na lata”.

Para os que demonstram certa resistência, a abordagem pode ser mais sutil e persuasiva. Aqui inegavelmente o trabalho do marketing será fundamental para o convencimento.

Marketing digital na luta sindical

No mundo sindical, a palavra “Marketing” por si só já causa algum estranhamento, e não poderia ser diferente.

De fato, trata-se de um conjunto de técnicas desenvolvido pelas empresas para aumentar suas receitas e seu lucro. A adição do “Digital” designa a aplicação dessas técnicas na internet.

No entanto, o que precisamos é aplicar esses conhecimentos com forte posição política e usar das mesmas estratégias para virar o jogo.

Afinal, não estamos vendendo um produto, mas estamos vendendo uma ideia. Certamente nossos trabalhadores precisam disso.

Então podemos nos apropriar desses conceitos e aplicá-los no dia a dia do seu sindicato.

Neste e-book, listamos 22 estratégias de Marketing Digital para você garantir o convencimento, a persuasão e o fortalecimento para o seu sindicato. Confira 👇

22 estratégias de Marketing Digital aplicáveis para o sindicato
É um E-Book totalmente gratuito, com dicas valiosas para você organizar a comunicação do seu sindicato em prol da nossa luta.

Clicando aqui, ou na imagem acima, você descobrirá o que marketing pode fazer para você.

Não perca tempo: clique no E-Book e boa leitura!


Larissa Amorim – co-fundadora da Abridor de Latas Comunicação Sindical

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *