Mais Sindicato

Como ter um sindicato reconhecido sem se comunicar com os trabalhadores?

18 de maio de 2020
Junte-se a mais de 7.000 lideranças

Entre para nossa lista e receba conteúdos sindicais exclusivos e com prioridade

Ter um sindicato reconhecido é o desejo de todo dirigente sindical.  Mas em épocas de crise, pode ser um pouco difícil entender por que é importante o sindicato fazer certos investimentos, não é verdade?

À primeira vista, algumas coisas parecem supérfluas. Bem, a comunicação não é uma delas.

Conheça três bons motivos para investir nessa área e enxergá-la como prioridade:

sindicato reconhecido

Comunicação mobiliza

Alguns estudiosos dizem que a civilização vive a era da pós-verdade. Isso significa que, para muitos grupos sociais e políticos, a verdade não tem muita importância.

Para isso eles utilizam as emoções e os valores morais da população para manipular a consciência das pessoas, e distorcem a realidade para atingir seus objetivos (geralmente mesquinhos e egoístas, e puramente econômicos).

Isso é feito em várias frentes, tanto pela velha mídia como por parlamentares e grupos políticos (muitos deles agem como milícias virtuais). Sem compromisso com a ética, eles constroem narrativas que quiserem em suas redes sociais, e muitas vezes agem contra o movimento sindical. É muito importante entender esse processo.

O problema é que muitos trabalhadores acabam embarcando nessa narrativa e passam a criticar os sindicatos que defendem seus direitos. É uma situação tão absurda que parece não fazer sentido. Mas é assim que esse jogo é construído por aqueles setores. E funciona!

Ninguém vai defender os sindicatos. Os próprios sindicatos terão que fazer isso. Por isso a comunicação sindical é fundamental nesses tempos, mais do que nunca.

Os sindicatos precisam mostrar à classe trabalhadora o que realmente está acontecendo.

Precisam mostrar que defendem direitos, que trazem benefícios, que se importam com a qualidade de vida da categoria, que agem, que conquistam.

Comunicar é a única maneira de conscientizar as pessoas sobre a importância de lutar para se reverter projetos como a Reforma Trabalhista e a Reforma da Previdência.

É a única forma de mostrar que as entidades sindicais são fundamentais para proteger os direitos do trabalhador, ao contrário do que tem sido dito por aí.

Comunicação aproxima

Além de mobilizar, a comunicação ainda faz com que a base tenha sempre a sensação de que o sindicato está perto dela. Seja com atualizações nas redes sociais, publicações no site da entidade ou um jornal impresso que sempre está à disposição em seus locais de trabalho, o trabalhador precisa enxergar o que o sindicato tem feito.

Quando isso é feito de forma organizada, com estratégias corretas, com regularidade e com qualidade, aos poucos a percepção da sua base vai mudando.

Até as críticas diminuem. E o trabalhador vai sentindo mais vontade de apoiar sua entidade. E é esse um dos maiores ganhos. Afinal, o apoio é uma via de mão dupla!

Comunicação aumenta a eficiência do seu trabalho

Ter uma boa estratégia de comunicação integrada faz com que alguns problemas que gerariam muita dor de cabeça para a diretoria possam ser resolvidos rapidamente.

Um tema que gera dúvidas (por exemplo, uma mudança na legislação) que geraria centenas de telefonemas de filiados) pode ser esclarecida com uma postagem no site da entidade.

Um formulário de pré-filiação online pode simplificar o processo e, por isso, fazer com que mais pessoas se sintam encorajadas a se sindicalizar.

Chamadas para assembleias importantes podem ser distribuídas por aplicativos de mensagens (e ajudar a garantir auditório cheio).

Como fazer isso?

Comunicação é uma área decisiva para qualquer sindicato, principalmente diante da atual conjuntura. Que tal conversamos um pouco sobre o que podemos construir juntos na sua entidade? Clique aqui e vamos trocar algumas ideias agora mesmo!

Comunicação é conhecimento

Se não impedirmos a chuva de fake news das elites e dos setores extremistas que desejam acabar com os direitos dos trabalhadores, morreremos afogados. Fake news (notícias falsas) são combatidas com verdade. E é munidos dela que devemos lutar!

Até aqui apresentamos a importância de se comunicar com os trabalhadores para se manter um sindicato reconhecido.

Além de mobilização, aproximação e eficiência, comunicação é conhecimento. E é isso o que devemos entregar aos trabalhadores.

No e-book Direitos trabalhistas têm história, não caíram do céu!, mostramos que – diferentemente da chuva de fake news vindas daqueles que querem destruir direitos – todas as conquistas da classe trabalhadora são resultados de duras batalhas travadas pelo movimento sindical:

Direitos trabalhistas

Baixe o conteúdo gratuitamente clicando aqui, e compartilhe este conhecimento. Se queremos a manutenção dos direitos trabalhistas, a luta não pode parar.

Afinal, bem sabemos que vitórias não caem do céu!

Equipe Abridor de Latas – Comunicação Sindical e Institucional

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *